out 05 2018

O Discurso de Cícero (63 a.C)

Primeiro discurso contra Catilina de Marco Túlio Cícero, cônsul de Roma, recitado no Templo de Júpiter em 8 de Novembro de 63 a.C.
Lúcio Sérgio Catilina, patrício romano, nasceu em 109 a.C., morreu em 62 a.C. Corajoso e ousado, mas sem escrúpulos, fomentou contra o Senado uma conjuração, em que entravam os cidadãos mais depravados e endividados de Roma; esta conjuração foi denunciada por Cícero em 63. Morreu com as armas na mão, em Pistóia. Por proposta de Catão, os conjurados foram condenados à morte. Catilina ficou a ser o tipo do conspirador, e o nome dele, emprega-se para designar os que desejaram reconquistar a sua fortuna sobre as ruínas da própria pátria.
Conjuração de Catilina, obra histórica de Salústio, modelo de eloqüência concisa, a despeito de certa obscuridade na exposição dos fatos.
Caio Salustio Crispo, historiador latino, nasceu em Amitermo (Sabina) (86-=35 a.C), autor da Vida de Jugurta e da Conjuração de Catilina; um dos escritores mais concisos e mais profundos da literatura romana. Espírito claro, metódico, criou em Roma a história filosófica à maneira de Tucídides. A sua carreira política foi infinitamente menos recomendável que os seus escritos. Governador da África, acumulou escandalosas riquezas que lhe permitiram construir um magnífico palácio cercado de jardins célebres.
Fonte: Lello Universal

PRIMEIRA CATILINÁRIA

Comentários desativados em O Discurso de Cícero (63 a.C)

Comments are closed at this time.