Archive for the 'Sem categoria' Category

fev 11 2018

Lamentar …

Published by under Sem categoria

“Lamentar aquilo que não temos é desperdiçar aquilo que já possuímos”

Comentários desativados em Lamentar …

jan 29 2018

Vaga-lumes iluminam …

Published by under Sem categoria

“Vaga-lumes iluminam grutas onde nem mesmo a luz do sol pode chegar”

Comentários desativados em Vaga-lumes iluminam …

dez 30 2017

Não declares que as estrelas …

Published by under Sem categoria

“Não declares que as estrelas estão mortas, só porque o céu está nublado”

Comentários desativados em Não declares que as estrelas …

dez 27 2017

Não vivas mais como tens vivido, …

Published by under Sem categoria

“Não vivas mais como tens vivido, sem nobreza, de maneira tal, que se desaparecesses, passaria despercebido”

Comentários desativados em Não vivas mais como tens vivido, …

dez 17 2017

O passado dá saudades …

Published by under Sem categoria

“O passado dá saudades; o presente dissabores; e o futuro receios”

Comentários desativados em O passado dá saudades …

nov 15 2017

Regras de filosofia são boas de dar …

Published by under Sem categoria

“Regras de filosofia são boas de dar e más de experimentar” Provérbio Popular

Comentários desativados em Regras de filosofia são boas de dar …

out 31 2017

A derrota só será uma bebida amarga …

Published by under Sem categoria

“A derrota só será uma bebida amarga se concordarmos em tragá-la” Provérbio Chinês

Comentários desativados em A derrota só será uma bebida amarga …

out 16 2017

O saber é a única fortuna …

Published by under Sem categoria

“O saber é a única fortuna de que os tiranos não podem despojar os homens” Provérbio Latino

Comentários desativados em O saber é a única fortuna …

out 03 2017

As Profecias de Nostradamos (Filme Rarissimo)

Comentários desativados em As Profecias de Nostradamos (Filme Rarissimo)

ago 23 2017

Uma casa sem mulher …

Published by under Sem categoria

“Uma casa sem mulher é como corpo sem alma” Provérbio Oriental

Comentários desativados em Uma casa sem mulher …

Next »